Quarto de bebê: 8 itens para uma decoração incrível

Nos últimos anos, as famílias têm tido cada vez menos filhos, mas se dedicam ao máximo para tornar a maternidade/paternidade um ato realmente transformador em suas vidas, pesquisando muito sobre a gestação, a saúde e o desenvolvimento do pequeno; buscam a melhor educação e cercam a criança dos melhores acessórios, roupas e brinquedos. Uma das primeiras preocupações, porém, é com o quarto do bebê, pois este permite aos pais criarem o mundo infantil de seus sonhos até que a criança tenha capacidade para escolher seus temas preferidos.

Neste post, vou dar algumas dicas de como decorar o quarto do bebê além dos itens essenciais, como berço, poltrona e cômoda, e falar sobre alguns dos adereços mais usados na decoração desse ambiente que deve transbordar ludicidade.

Móbile

Como o bebê fica muito tempo deitado olhando para cima, colocar um móbile sobre o berço é uma ótima forma de distrai-lo e estimulá-lo, além de decorar o ambiente. Ele pode ser pendurado no teto ou num suporte preso ao berço. Suas peças se movimentam com a força do vento ou de um mecanismo e ficam ainda mais interessantes se emitirem sons ou músicas infantis.

Bonecos

A maioria dos temas de quarto de bebê tem bichinhos como inspiração, sendo personagens de filmes e desenhos ou animais. Trazer seus bonecos para a decoração dá vida e humor ao ambiente, além de serem ótimos brinquedos para as crianças desenvolverem a imaginação. É importante que eles sejam macios ao toque e não soltem partes pequenas que possam representar risco ao bebê.

Dê uma olhada na nossa lojinha.

Nichos

Eles têm sido muito usados ultimamente, pois existem em variados formatos e cores, são ótimos para preencher uma parede vazia e servem tanto para abrigar objetos decorativos quanto itens de uso no dia-a-dia. A quantidade e a disposição na parede varia de acordo com a necessidade, tanto estética quanto prática.

Bastidores

Com a valorização dos trabalhos manuais nos últimos anos, o bastidor decorado se tornou uma linda peça de decoração, tanto adulto quanto infantil. Para quem não sabe, bastidor é um aro que serve para esticar o tecido para bordar, mas, além do bordado, também pode ter aplicações de bichinhos ou elementos do tema escolhido e pode enfeitar a porta ou as paredes do quarto do bebê.

Guirlanda

Assim como os bastidores, as guirlandas também decoram a porta ou as paredes do quarto do bebê. Normalmente levam o nome da criança, enfeites e aplicações com o tema da da decoração do quarto.

Quadros

Eles também podem estar no quarto do bebê! Seja uma imagem impressa, uma pintura ou aplicação, os quadros podem trazer cores, diversão e estimular visualmente a criança trazendo ainda mais ludicidade para o seu ambiente.

Flâmulas

São bandeirinhas antes muito usadas pelos times esportivos e que hoje ganharam várias cores e formatos e estão com tudo na decoração infantil. Trazem cor e alegria às paredes onde forem penduradas e podem se encaixar em qualquer tema de decoração.

Almofadas

Elas são um coringa na decoração de qualquer ambiente, inclusive no quarto do bebê, já que podem agregar cor e textura de forma rápida e barata, além de proporcionar mais conforto. Como podem ter formatos variados, como bichos, carinhas, estrela, nuvem e o que mais a imaginação quiser, ajudam muito a compor o visual do quarto do bebê. Porém, não as use em demasia dentro do berço para evitar acidentes.

Dicas importantes:

Outros itens de decoração podem aparecer de acordo com a necessidade, como cortina, tapete, pufe, prateleiras e mesinhas de apoio. No entanto, lembre-se que o quarto do bebê não deve ficar atulhado de objetos para não acumular poeira e permitir a limpeza com facilidade. O excesso de elementos também pode causar desconforto visual e agitação na criança.

É importante que haja uma luz branca geral, forte o suficiente para permitir que se veja todos os detalhes do corpinho do bebê na hora do banho e da troca de fralda, mas uma luz mais fraca, indireta e amarelada ajuda o bebê a relaxar quando está sendo amamentado ou quando é hora de dormir. Ela pode vir de um abajur, arandela, ou luminária pendente. Busque um modelo que tenha a ver com o tema do quarto ou crie sua própria luminária, mas utilize lâmpadas de led que esquentam menos, são mais econômicas e sustentáveis.

Preste muita atenção quanto à segurança de cada objeto. Certifique-se de que eles não representem nenhum risco ao bebê, principalmente quando começa a fase de engatinhar e andar e eles passam a explorar o ambiente. O que fica pendurado não pode ter risco de cair e o que está no chão tem que ser firme para que não exista a possibilidade de tombar sobre a criança. Evite situar o berço próximo à janela e, se possível, posicione-o para que esteja visível a quem está fora do quarto quando a porta está aberta.

Devemos proceder com consciência ambiental perante qualquer produto de que precisemos, por isso sempre procure itens que sejam produzidos de forma sustentável ecológica e socialmente, com elementos naturais, de produtores locais e valorize o trabalho artesanal. Sobretudo, evite plásticos e lembre-se de que um produto carrega consigo muito mais do que o valor de sua utilidade, ele deve carregar o valor de quem o produziu, da forma com que foi produzido e dos impactos ambientais de sua produção. Desconfie do que é muito barato.

O melhor que podemos dar para as crianças é um mundo com riquezas naturais preservadas, mais justo e com respeito das pessoas entre si e para com a Natureza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: