Cores para quarto infantil – muito além do azul e rosa

Azul para menino e rosa para menina é coisa do passado. Não só porque essas cores reforçam esteriótipos de gênero tão repudiados atualmente, mas também porque há uma infinidade de outras cores que podem tornar os quartos super divertidos e agradáveis para as crianças desde recém-nascidas até a pré-adolescência.

Para a decoração em geral, a tendência tem sido cada vez mais colorida, incentivando o uso de cores mais vibrantes nas paredes, mas, especificamente para a decoração infantil, a última tendência é o contrário: cinza, branco e preto. Essas cores que até pouco tempo eram praticamente proibidas num quarto infantil, hoje são muito usadas até mesmo para bebês. E não é que elas permitem que se crie quartos muito interessantes, criativos e totalmente contemporâneos?

O cinza veio realmente com tudo, se mostrando uma cor versátil, pois harmoniza com qualquer outra cor – azul, rosa, verde, amarelo… tudo fica bem com o cinza, que pode variar em uma infinidade de tons mais claros ou mais escuros. É uma cor que descansa a vista, pois não traz tanta luminosidade quanto o branco, nem escurece como o preto, ao mesmo tempo que não satura a visão como as cores vibrantes. Além de tudo isso, o cinza é uma cor atemporal. Como crianças crescem muito rápido, essa cor pode acompanhar a criança durante todo o seu desenvolvimento.

Quarto de bebê decorado inteiramente com cinza, sem perder o encanto e cheio de estímulos.
Fonte da imagem:
https://valoblogi.com/decorating-ideas-for-baby-boy-room/

O conceito do branco foi trazido pela famosa decoração escandinava, estilo queridinho dos últimos anos, chegou na decoração infantil na forma de uma base branca, mas com móveis e objetos de madeira para trazer calor ao ambiente. Tapetes e almofadas com diferentes texturas também são muito bem-vindos nesse contexto. Detalhes em preto trazem diversão e dão um toque gráfico à composição.

A base branca desse quarto é esquentada pelo piso e berço de madeira, assim como o tapete e as pelúcias que, junto com os detalhes em preto, trazem diversão pro ambiente.
Fonte da imagem:
https://casaefesta.com/quarto-de-bebe-simples-e-bonito/

A não ser que você faça parte da Família Addams, sugiro não fazer um quarto todo preto para as crianças, mas dá pra usar essa cor de diversas formas. Uma parede preta pode ser usada como lousa, e com certeza vai trazer muita diversão (até eu tenho uma aqui em casa). Como disse, se usado no quarto em composição com o branco, na forma de diferentes estampas como o listrado, dá ao ambiente um ar divertido e super contemporâneo. E ainda é possível seu uso em almofadas, roupas de cama, tapetes e diversos objetos.

Com criatividade é possível fazer um quarto infantil super divertido baseado em preto e branco.
Fonte da imagem:
https://casar-e.com/maternidade/quarto-de-bebe-preto-e-branco/

Se você prefere uma decoração clássica, os tons pastel são a solução. Desde o palha até as chamadas “candy colors”, há muitas opções. Mas, nesse caso, pense em alguns elementos que darão vida ao ambiente, para que ele não fique sem-graça nem desestimulante para a criança. Quadros, móbiles e brinquedos decorativos podem cumprir muito bem essa função.

Para equilibrar as cores suaves, o quarto está cheio de pontos de interesse, como quadros, luzes e objetos com cores vibrantes.
Fonte da imagem:
http://www.quartoparabebe.com.br/decoracao/candy-colors-na-decoracao-do-quarto-do-bebe/

Criar a decoração de um quarto infantil é uma delícia de tarefa, pois nos permite soltar a imaginação e não se apegar a tantas regras que a decoração geral impõe. Mas esse também não é um trabalho fácil, já que esse ambiente deve promover o desenvolvimento da criança com segurança, conforto e cercando-a de estímulos visuais e táteis. E não se esqueça que o maior estímulo que uma criança precisa é o amor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: